Conheça os tipos de calandras mais populares

24/06/2020

Você sabia que o processo de calandragem difere conforme os tipos de calandras em relação à disposição dos rolos? “Eu não sei nem o que é calandragem!” Bom, então ainda bem que estamos aqui, pois essa é uma de nossas especialidades e é sobre isso que falaremos hoje.

O que são calandras

Antes de mais nada, para entender o processo de calandragem você tem que ser apresentado as calandras. Elas são rolos maquinários que têm a função de curvar ou desempenar chapas de aço, metal, PVC, papel etc.; imagine diversos rolos de macarrão dispostos de maneira a achatar e encurvar materiais que passem por ele.

Essas máquinas podem modelar e encurvar chapas e tubos com alta precisão. Esses tubos podem ser redondos, quadrados, retangulares, em alumínio, inox, cobre, latão e outros, tudo varia conforme a intenção final. Essas calandras podem ainda ter diversos modelos e tamanhos — algumas até mesmo podendo ser manuais—, cada uma delas sendo específica para um certo tipo de material e finalidade.

Elas têm um nível avançado de modernidade, ainda que sejam aparentemente simples. Em nossa indústria — esse processo é usado em diversos setores com diferentes propósitos—, elas reduzem a mão de obra e a manutenção na fabricação de peças e chapas, tornando todo o processo de fabricação e manutenção de maquinários industriais mais ágil e barato para nossos clientes.

Tipos de calandras mais comuns no mercado

Calandras verticais

É o tipo de disposição clássica. É a mais antiga e a mais comum. Como os eixos dos rolos se encontram num mesmo plano, todas as forças de separação que se estabelecem entre os rolos pela ação da passagem da borracha entre eles atuam nesse referido plano e os efeitos de flexão criados entre o rolo superior e o seguinte, transmitem-se aos rolos subsequentes. A alimentação neste tipo de peça é efetuada muitas vezes manualmente, embora existam sistemas mecânicos de alimentação.

Calandras verticais com rolo em posição oblíqua ou em “L” invertido

A colocação de um dos rolos fora do plano principal da calandra visa, sobretudo, retirar desse plano, parcial ou totalmente, uma das forças de maior grandeza que se exercem entre os vários rolos da calandra, e assim diminuir os efeitos de flexão nos rolos subsequentes. Estas disposições são encontradas, com frequência, nas calandras com rolos dispostos em “Z” e em “S”. Já as com rolos dispostos em “L” ou com rolos oblíquos já facilitam a utilização de processos mecânicos de alimentação.

Calandras horizontais e oblíquas

Calandras horizontais não são muito frequentes; assim como opções de calandras com dois ou três rolos, oblíquas, ou em “V” invertido. Mas ambas são comercializadas, feitas sob encomenda.

Então, agora você sabe tudo sobre os tipos de calandras mais populares na indústria? Continue acompanhando nosso blog e conheça mais de nossa indústria e de nossos processos de fabricação.

Leia também

Trocadores de calor industriais

Trocadores de calor industriais

Desde a pré história o homem se preocupou em trocar calor, criando dispositivos então rudimentares que permitiam o...

Teste de cargas para geradores

Teste de cargas para geradores

Quando se fala em teste de carga, tenha em mente que pode ser de dois tipos: teste de carga de obra e teste de carga...

Fabricação de calhas

Fabricação de calhas

Pode até soar estranho, mas a fabricação de calhas também é um ramo da usinagem, e envolve caldeiraria leve (as vezes...

1 Comentário

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Compartilhe!