Como funciona um tanque para preparação de reagentes

16/06/2021

O reagente ou reativo químico é o resultado da solução ou mistura de substâncias químicas, que ocasiona um fenômeno e cria uma outra nova substância diversa das anteriores. Isto acontece por conta de uma reação  química decorrente da composição das substâncias mescladas e o reagente obtido é também chamado produto.

Siga com a leitura e entenda mais sobre tanques para preparação de reagentes.

Tanque para preparação de reagentes

Os reagentes químicos sãodepositado em um tanque para sua homogeneização, para que suas características físico-químicas se  tornem estáveis, o que será importante no processo de flotação que você, que acompanha este blog, já sabe o que é: mediante a flotação se separam impurezas do meio aquoso, inserindo-se uma terceira substância através de bolhas de ar que farão as partículas das substâncias mais densas flutuarem, separando-as do meio aquoso.
Pois bem, esta substância da flotação decorre do reagente que é armazenado em tanques para sua harmonização e homogeneização, que pode se dar com ou sem agitação destas substâncias. Assim é que há  tanques de mistura para a preparação de leite de cal (mistura água + cal apagada), barbotina de carvão ativado (mistura água + carvão ativado), barbotina de microareia(mistura água + microareia) ou outros reagentes (permanganato de potássio, de argila, carbonato de cálcio…).
 Os tanques são moduláveis e dotados de eletroválvulas e outros acessórios, inclusive para sua bombagem, que é a drenagem a substânia por meio de energia mecânica decorrente do vácuo causado pelo bombeamento .
Conforme a substância se conceberá o tipo ou o tamanho do tanque, conforme a concentração e a necessidade de lâminas antivortex ou da aplicação de carvão ativado, além do doseador e da barbotina para o carvão.  Os tanques também possuem dispersores.

E aí conseguiu entender como funciona um tanque para preparação de reagentes? Continue seguindo nosso blog e em caso de dúvidas, deixe seu comentário.



​​​​​​​

Leia também

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe!