Quais os tipos de transportador de correia?

29/06/2021

A correia transportadora é componente fundamental para o transporte de materiais, leves ou pesados que sejam, desde embalagens até grãos e minério. Mas afinal, quais os tipos de transportador de correia?

Transportador de correia

Há diversos tipos de correias no mercado, desde as correias de recolhimento até as enfardadeiras, as alimentadoras e as correias para elevador, as de cabeçote e de transporte de semente por balde.
O  progresso da indústria depende de fomento tecnológico,  e ao longo dos anos as correias transportadoras se diversificaram e modernizaram, tornando mais atrativa a produção  industrial, barata e com economia de esforço, mão de obra e tempo. Isto porque em alguns setores o transporte de materiais pode ter impacto relevante no seu custo operacional.
Apesar de toda essa tecnologia, o conceito básico da correia transportadora é muito simples: ela consiste  em dois ou mais tambores que movimentam uma esteira que irá permitir o transporte de materiais de um  a outro ponto ao longo de seu cumprimento. O fluxo  de movimento  será contínuo, horizontal,  vertical ou inclinado que seja.
As correias agregam valor à produção: geram menor custo conforme o volume transportado com segurança na operação e confiabilidade, sendo ainda  bastante versáteis quanto à  distância longa ou curta a ser percorrida.
No entanto, como no caso de outros itens e equipamentos industriais já estudados neste blog, sua composição e estrutura é bastante simples. Ela é formada  por uma cobertura superior de borracha, uma carcaça têxtil com borracha de ligação e uma cobertura inferior e irá proteger a carcaça, que é o “bojo” do transportador. A razão desta simplicidade é a sua origem, ainda em plena primeira revolução industrial e nos idos de 1795, nos  Estados Unidos. Ela era acionada por uma máquina a vapor.

Leia também

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe!